Neve na Serra da Estrela e algumas dicas

Neve Serra da Estrela

A neve na Serra da Estrela é algo bastante procurado durante os meses mais frios. Estamos num país em que é raro nevar, daí que muitas pessoas procurem este destino para ver algo que nem sempre é fácil encontrar por cá.

A Serra da Estrela, para mim, é o sítio mais bonito de Portugal. Seja no verão ou no inverno, as suas montanhas e vales acolhem-me sempre de forma incomparável a outro local.

Acho que quem nomeou o troço que liga a Régua ao Pinhão (EN 222) como a melhor estrada para se conduzir estava muito enganado. A estrada mais bonita de Portugal é a que liga Manteigas à Torre, o ponto mais alto da Serra da Estrela.

A Torre é, por excelência, o sítio onde se juntam mais pessoas, é onde todos querem ir. Mas nem por isso é o melhor sítio para ir, é aliás, na minha opinião, o mais feio de toda a serra.

Na Serra da Estrela não faltam recantos para descobrir, trilhos para percorrer e boa comida. O melhor é que bastam 10 minutos de caminhada, mesmo nas épocas mais concorridas para, de repente, estarmos completamente isolados, só e apenas com a companhia da Natureza.

O pior mesmo é o tempo que pode mudar a qualquer momento, como já é habitual em altitudes elevadas. Por isso, muito cuidado na hora de te aventurares nos trilhos. Já me aconteceu perder as indicações e ter de regressar ao ponto de partida, com nuvens bastante carregadas que me avisaram que era hora de regressar. Por aqui, é a montanha que manda.

Do verde do verão ao branco invernal, passando pelos laranjas do outono, aqui podemos disfrutar das mais belas paisagens de Portugal.

A pouco mais de duas horas de distância do Porto, podemos embrenhar-nos neste cenário melancólico, longe da agitação das cidades que muitas vezes nem nos deixam pensar com clareza.

Apesar de tudo, este ano ainda me foi possível ir à serra 3 vezes em 3 estações diferentes. Gosto dela de qualquer forma mas com neve, sem dúvida, tem outro encanto. No último passeio de 2020 deparei-me com um cenário absolutamente inebriante. As montanhas aconchegaram-se no seu manto branco transformando-se em algo difícil de descrever. Por isso, deixo-te o registo fotográfico da neve na Serra da Estrela no final do mês de dezembro, para ilustrar melhor estas paisagens maravilhosas da montanha mais alta de Portugal continental.

Trilho dos Poios Brancos

De Manteigas à torre (na companhia do vale glaciar)

Vale do Rossim

Sugestões de trilhos na Serra da Estrela:

PR15 – Maciço Central
PR7 – Poios Brancos
PR13 – Rota das Faias
PR1 – Poço do Inferno
Lagoa dos Conchos

Sugestões de locais para comer em Manteigas:

Lusopizza – como o nome indica a especialidade são pizzas, mas também existem outros pratos.
Taberna da Caldas – as trutas vêm fresquinhas do viveiro, mesmo ali ao lado; o local ideal para petiscos regionais.

Sítios para ficar em Manteigas:

Casa Mariolas – a Daniela e o Paulo irão receber-te com um sorriso, muita simpatia e com muitas dicas sobre trilhos. Os quartos com varanda têm vistas fantásticas para o vale e serra e o pequeno-almoço é ótimo, com produtos regionais.
Alojamento Santa Clara – Muito tranquilo e excelente pequeno-almoço.
Descanso Serrano – Igualmente tranquilo e bom pequeno-almoço.
INATEL Manteigas – mais “hotel”, mas também muito agradável.

Vê também:

2 comentários

  1. Que lugar lindo, Sandra! Adorei saber que é uma estrada bonita. Se algum dia eu e marido fizermos uma road trip pelo norte de Portugal, com certeza a Serra da Estrela entrará no roteiro. Obrigada pelo post e todas as dicas! Beijos.

    1. Eu adoro este sítio, um dia gostaria de ir viver para lá. Sem dúvida uma excelente opção de viagem a não perder na vossa próxima visita! Beijinhos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.